Translator / Traducteur / Übersetzer / översättaren / переводчик / 翻訳者

O NOSSO PROPÓSITO

O Capitão Haddock da banda desenhada do Tintin é uma boa caricatura de como se atribui a relação entre o mar e as garrafas ao alcoolismo dos marinheiros. No entanto a relação que mais nos interessa é a de que os marinheiros tinham com as garrafas já vazias. Tal como com o álcool, a atenção requerida pela introdução de modelos de veleiros no interior de garrafas -pelos seus gargalos- fazia-os evadirem-se da sua dura realidade. Ao contrário das fantasias de Baco o resultado desta outra relação era uma fantasia perdurável com um significado quase bíblico, o do buraco da agulha e do camelo.

O Mar das Garrafas será um espaço de divulgação de uma arte que, mais do que uma evasão, constitui um meio de trabalhar a persistência. Aqui apresentarei trabalhos já realizados, outros a realizar, trabalhos de outros, os resultados da minha pesquisa contínua sobre a história e as mútiplas envolvências desta arte, especialmente a das embarcações tradicionais.

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Os sete "Mares" da Bahia

...
 Sabiam que na Fortaleza de Santo António em Salvador, Bahia, Brasil, há um museu náutico onde se pode ver "Mares de Garrafas" como o da fotografia?


 













 Será que os nossos amigos brasileiros nos podiam enviar mais umas fotos? Se na da fotografia surge o número sete, deve haver pelo menos sete "mares"!
...

1 comentário:

Sergio Nunes disse...

Olá David

Que bom vê-lo pelos mares da Bahia. Nesse Museu Náutico há uma pequena loja de produtos náuticos que além das garrafinhas também tem outros artigos: quadros de nós, bonecos da tripulação de navios, camisas, etc. Quanto as fotos, vejo se consigo mais alguma para você.

Um abraço.

Sergio Nunes