Translator / Traducteur / Übersetzer / översättaren / переводчик / 翻訳者

O NOSSO PROPÓSITO

O Capitão Haddock da banda desenhada do Tintin é uma boa caricatura de como se atribui a relação entre o mar e as garrafas ao alcoolismo dos marinheiros. No entanto a relação que mais nos interessa é a de que os marinheiros tinham com as garrafas já vazias. Tal como com o álcool, a atenção requerida pela introdução de modelos de veleiros no interior de garrafas -pelos seus gargalos- fazia-os evadirem-se da sua dura realidade. Ao contrário das fantasias de Baco o resultado desta outra relação era uma fantasia perdurável com um significado quase bíblico, o do buraco da agulha e do camelo.

O Mar das Garrafas será um espaço de divulgação de uma arte que, mais do que uma evasão, constitui um meio de trabalhar a persistência. Aqui apresentarei trabalhos já realizados, outros a realizar, trabalhos de outros, os resultados da minha pesquisa contínua sobre a história e as mútiplas envolvências desta arte, especialmente a das embarcações tradicionais.

terça-feira, 2 de março de 2010

Os Mares de "Primeira Água": O Mar da Canhoneira "Mandovi"


A Canhoneira "Mandovi", em cima, foi miniaturizada e colocada dentro de uma garrafa por um seu marinheiro durante a sua estadia em Cabo Verdeentre 1898 e 1899. Depois foi oferecida ao seu comandante –Fontoura da Costa- que a conservou, estando hoje na posse dos seus descendentes.








Estes modelos feitos pelos próprios tripulantes das embarcações miniaturizadas são de primeira água!

(As fotos da miniatura foram tiradas numa exposição sobre Fontoura da Costa no Museu do Mar em Cascais em Portugal)

1 comentário:

Nuno Miranda disse...

Esta garrafa pertencia ao neto, Abel Fontoura da Costa Corrêa, falecido há um par de anos, e a exposição foi feita com parte do espólio na sua posse, consistente em numerosas obras publicadas (uma das quais com uma dedicatória invulgar: dedicava ao seu amigo Gago Coutinho um exemplar de um opúsculo... do próprio Gago Coutinho!), fotografias, cartas, etc.
Um abraço!